Estudo da Modificação de Colágeno Hidrolisado para Incorporação de Compostos Ativos a Baixas Temperaturas em Meio Supercrítico

Nome do Pesquisador: Lígia Passos Maia

Agência de fomento: Sem financiamento

Vigência: 03/2017 à 07/2019

Pesquisadores Docentes da UFABC:
Lígia Passos Maia

Pesquisadores Alunos da UFABC:
Amanda Karoline Ribeiro de Sá
Reynaldo Gisto
Gabriel Sandrini
Lais Akemi De Almeida Sasaki
Bianca Andrade de Campos

Pesquisadores Externos:
Alessandra Lopes de Oliveira

Outros Colaboradores:
Reinaldo Camino Bazito
Pedro Miguel Vidinha Gomes
Mathilde Julienne
Gisele Champeau Ferreira

Resumo: Colágeno é um termo utilizado para denominar uma família de proteínas abundantes no tecido conjuntivo de animais; estas podem ser utilizadas como material encapsulante de ativos. O projeto propõe a modificação por acetilação, metilação e silanização dos grupos reativos do colágeno hidrolisado do tipo I, com e sem cadeias intercruzadas. As modificações tem a finalidade de conferir ao colágeno afinidade com o dióxido de carbono supercrítico (CO2-sc), fazendo-o solubilizar ou inchar em sua presença, viabilizando a incorporação de ativos neste meio bem como o aumento da resistência mecânica do material (material com cadeias intercruzadas). A afinidade com CO2 será avaliada através de experimentos de comportamento de fase que verificarão a solubilização do material no meio e/ou a sua expansão volumétrica. A formação de partículas e filmes destes materiais será estudada, sendo que a produção de partículas é proposta utilizando os processos de PGSS (Partículas a partir de Soluções Saturadas de Gás) e a formação de filmes, por evaporação ou liofilização de amostras de colágeno com cadeias intercruzadas. Para as partículas, a incorporação de ativo deverá ser realizada durante a sua formação, enquanto que para os filmes, ela deverá ser realizada posteriormente, na presença do ativo e do CO2-sc. Esta incorporação será avaliada por DSC (Calorimetria Diferencial de Varredura), RMN 1H (Espectrometria de Ressonância Magnética Nuclear de Próton), IV (Espectrometria de Infravermelho) e através do estudo de liberação, que também informará sobre os mecanismos de liberação e portanto, sobre a aplicabilidade dos materiais obtidos.

Entre em contato

Bloco L - 3° andar

Avenida dos Estados, n° 5001

Sta. Terezinha - Sto. André - SP

CEP: 09210-580

Email: propes@ufabc.edu.br

 

Telefones

Gabinete: 3356-7614

Administrativo: 3356-7620/7618

IC: 3356-7617/7619

CAP: 3356-7620/7616/7615

Propes-SBC: 2320-6150/6151

CEM-SA: 4996-0028

CEM-SBC: 2320-6176

Biotérios: 3356-7511