Psicologia Histórico-Cultural e Pedagogia Histórico-Crítica como referenciais teóricos para o ensino de Química

Nome do Pesquisador: Rafael Cava Mori

Agência de fomento: Sem financiamento

Vigência: 04/2016 à 04/2019

Resumo: O projeto se propõe a articular contribuições de autores associados à Psicologia Histórico-Cultural (como L. S. Vigotski e A. N. Leontiev) para um entendimento da atividade experimental no ensino de Química. Considera-se essa teoria como o fundamento psicológico da Pedagogia Histórico-Crítica. O projeto será desenvolvido por meio da análise de livros e outros materiais textuais produzidos por autores da Escola de Vigotski. Ainda, o projeto busca realizar uma revisão bibliográfica ampla e exaustiva, em periódicos nacionais das áreas de Educação em Ciências e Ensino de Química, buscando compilar as possíveis contribuições já registradas na literatura na direção aos objetivos do presente projeto. Considerando que a recepção da Psicologia Histórico-Cultural no Brasil atravessa uma fase de questionamento das fontes estudadas desde o aportar das ideias de Vigotski em nossas instituições, e de explicitação dos fundamentos teóricos marxistas dessa teoria, o projeto busca se contrapor ao ideário pós-moderno e neoliberal representado pelo construtivismo e outras pedagogias do "aprender a aprender". Espera-se que a proposta produza textos com ampla divulgação entre a comunidade de educadores químicos, e que possam embasar outras pesquisas e práticas que se contraponham à atual hegemonia das correntes pedagógicas neoprodutivistas.

Entre em contato

Bloco L - 3° andar

Avenida dos Estados, n° 5001

Sta. Terezinha - Sto. André - SP

CEP: 09210-580

Email: propes@ufabc.edu.br

 

Telefones

Gabinete: 3356-7614

Administrativo: 3356-7620/7618

IC: 3356-7617/7619

CAP: 3356-7620/7616/7615

Propes-SBC: 2320-6150/6151

CEM-SA: 4996-0028

CEM-SBC: 2320-6176

Biotérios: 3356-7511