Últimas Notícias

A FAPESP e a IBM apoiarão a criação de um Centro de Inteligência Artificial (IA), dentro do programa de Centro de Pesquisa em Engenharia (CPE) da FAPESP. O novo Centro deverá desenvolver pesquisa disruptiva, com potencial para promover mudanças de paradigma na área de IA. A componente básica do programa de pesquisa deverá aprofundar conhecimentos, enquanto a componente aplicada estará voltada para avanços que beneficiem o setor industrial.

O Centro de IA IBM-FAPESP fará parte da IBM AI Horizons Network e será a primeira instituição de pesquisa da rede na América Latina.

Está aberta a Chamada de Propostas para constituição do Centro. Serão recebidas propostas encaminhadas por um grupo de pesquisa ou por um consórcio de grupos liderado por um grupo de uma universidade ou instituto de pesquisa do Estado de São Paulo.

A Chamada contempla projetos em todo o espectro de conhecimento da IA. A componente aplicada da pesquisa deverá dirigir-se aos seguintes segmentos de mercado: recursos naturais (óleo e gás, mineração), agronegócio (inclusive genômica e biotecnologia), meio ambiente e setor financeiro. O Centro também poderá desenvolver estudos que explorem as implicações socioeconômicas da IA nesses segmentos.

A atividade do Centro de IA estará centrada em sua pesquisa. Para isso, ele deverá contar com uma equipe adequadamente dimensionada e capacitada para desenvolver pesquisa internacionalmente competitiva, tomados como referência os padrões de excelência global.

O Centro deverá desenvolver projetos em parceria com agências governamentais ou não governamentais e propiciar a formação de pequenas empresas que convertam os resultados das pesquisas em produtos ou serviços. Adicionalmente, ele deverá interagir com o sistema de ensino, especialmente nos níveis fundamental e médio. Para isso, o Centro de IA poderá explorar o Programa Melhoria do Ensino Público da FAPESP.

A apresentação das propostas será feita exclusivamente por meio do Sistema de Apoio a Gestão (SAGe) da FAPESP pelo Pesquisador Responsável. A data final para submissão de propostas à FAPESP é 15 de abril de 2019. Na primeira quinzena de março, IBM e FAPESP promoverão reunião de trabalho para apresentação de temas e esclarecimento de dúvidas.

As instruções específicas aos pesquisadores do Estado de São Paulo podem ser encontradas em www.fapesp.br/12504

Os alunos bolsistas do PIC, PDPD, PIBIC-Jr. e PDPD-AF que queiram Informe de Rendimentos - Ano-Base 2018, enviar ao email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. as informações abaixo:

  • Nome completo
  • RA
  • CPF

 Divulgamos abaixo as chamadas públicas do CNPq que se encontram com inscrições abertas em Janeiro de 2019.

15 Janeiro/2019

Prezada comunidade de docentes,

Há oportunidades para submissão de propostas como segue. 

 

Chamada CNPq Nº 22/2018 - Bolsas Especiais no País e Exterior

Apoiar projetos de pesquisa que visem a contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do País, por meio da concessão de bolsas no país e no exterior

Inscrições:

  • 27/06/2018 a 08/03/2019

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Chamada CNPq Nº 40/2018 - Apoio à Produção de Inventários de Avaliação de Ciclo de Vida 

A presente chamada pública tem por objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do país. As propostas devem observar as condições específicas estabelecidas na parte II - Regulamento, anexo a esta chamada pública, que determina os requisitos relativos ao proponente, cronograma, recursos financeiros a serem aplicados nas propostas aprovadas, origem dos recursos, itens financiáveis, prazo para execução dos projetos, critérios de elegibilidade, critérios e parâmetros objetivos de julgamento e demais informações necessárias.

Inscrições:

  • 26/12/2018 a 22/02/2019

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Chamada CNPq/Equinor Energia Ltda. 2018 - Formação de mestres e doutores em petróleo, gás natural e energia renovável

A presente chamada pública tem por objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do país. As propostas devem observar as condições específicas estabelecidas na parte II - Regulamento, anexo a esta chamada pública, que determina os requisitos relativos ao proponente, cronograma, recursos financeiros a serem aplicados nas propostas aprovadas, origem dos recursos, itens financiáveis, prazo para execução dos projetos, critérios de elegibilidade, critérios e parâmetros objetivos de julgamento e demais informações necessárias. Serão selecionadas propostas para formação de recursos humanos com a concessão de bolsas de mestrado e doutorado para formação de mestres e doutores nas áreas de petróleo, gás natural e energia renovável. A presente Chamada tem por objetivo selecionar propostas para formação de recursos humanos com a concessão de bolsas de mestrado e doutorado para desenvolvimento de pesquisas nos seguintes temas e linhas de pesquisa: 1) Estudos em reservatórios carbonáticos: estudos em reservatórios pré-sal em área de caracterização de reservatório (conceitos geológicos, respostas geofísicas e métodos de caracterização de propriedades), modelagem e simulação, avaliação e produtibilidade e otimização de produção e design. 2) Engenharia Submarina: sistemas de produção submarina, dutos rígidos e flexíveis, automação e digitalização, tratamento e injeção de água do mar, separação compacta. 3) Recuperação Melhorada de Petróleo: otimização de produção, vislumbrando a melhoria da eficiência energética na operação dos campos e otimização de produção, focando na: eficiência das bombas, otimização dos sistemas de produção implementados, novas tecnologias de produção e injeção de poços, otimização de campos. Desenvolvimento de novas tecnologias para contribuição do aumento da recuperação do reservatório, focando em: estudos poliméricos, injeção de gás e outras técnicas de recuperação. 4) Novas Energias: novas soluções em sistemas integrados para o fornecimento de energia, sistemas de armazenamento de energia (solar e eólico), estudo de sistemas fotovoltaicos para energia solar, melhorias e propostas disruptivas: novas tecnologias em PV (materiais) para o aumento da eficiência, BIPV (building integrated PV) painéis solares integrados à construção) com foco no componente econômico, novas formas de geração de energia elétrica para plataforma offshore. 5) Estudos em Gás Natural: desenvolvimento de políticas energéticas que visem a integração entre o mercado de gás e energia como forma de priorizar a monetização do gás natural nacional; análise do mercado de gás: benefícios do desenvolvimento de térmicas na base, geração distribuída de gás como complemento a energias renováveis intermitentes (desafios tecnológicos, regulatórios e econômicos). Análise do mercado de líquidos de gás natural, novos mercados consumidores, infraestrutura e logística necessária para a monetização do gás do pré-sal; transporte e distribuição de gás no Brasil: novas formas de estocagem e transporte de LPG e LNG (caminhões, barcaças, trem) e seus desafios logísticos e tecnológicos regulatórios e econômicos, estudos na geração elétrica offshore, GTL análise dos desafios tecnológicos, regulatórios e econômicos, geração de energia com hidratos, analise da forma de consumo para gás natural transportado (stranded gas); transição energética, desafios relacionados ao clima e o papel do gás natural. 6) Geopolítica de Petróleo: mercado de energia, desenvolvimento da indústria, perspectivas futuras da indústria, macroeconomia, mercados em crescimento.

Inscrições:

  • 26/11/2018 a 25/01/2019

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Fomento à formação de pesquisadores em áreas estratégicas

Chamada do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) selecionará projetos que promovam o intercâmbio e cooperação entre programas de pós-graduação consolidados e não consolidados por meio da concessão de bolsas de doutorado. O objetivo é estimular a formação e o fortalecimento de redes de pesquisa entre as Instituições de Ensino Superior ou Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação participantes.

A ação é fruto da interação do CNPq com o Fórum Nacional de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação (FOPROP), na busca de novas formas de atuar na pesquisa científica, tecnológica e de inovação.

A chamada visa apoiar propostas inseridas em um ou mais dos seguintes temas, em consonância com a Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (ENCTI) 2016-2022:    

  • Aeroespacial e Defesa
  • Água
  • Alimentos
  • Biomas e Bioeconomia
  • Ciências e Tecnologias Sociais
  • Clima
  • Economia e Sociedade Digital
  • Energia
  • Minerais Estratégicos
  • Nuclear
  • Saúde
  • Tecnologias Convergentes e Habilitadoras.

Para a iniciativa, estão previstos orçamento anual de R$ 6,2 milhões para bolsas de doutorado no País e recursos adicionais no valor de até R$ 1,7 milhão para o pagamento de bolsas de Apoio Técnico - Nível Superior (AT-NS) e custeio.

A submissão de propostas terá início em 22 de janeiro e irá até 22 de março de 2019.

A FAPESP e a National Science Foundation (NSF), dos Estados Unidos, lançam uma nova chamada de propostas de pesquisa e convidam pesquisadores a submeter projetos de cooperação científica por meio de seus programas BIOTA e Dimensions of Biodiversity.
 
A seleção de propostas está baseada em uma chamada mais ampla, publicada anualmente pelo programa NSF Dimensions of Biodiversity, sempre lançada em parceria com outras agências de fomento, como a FAPESP.
 
São esperadas propostas que integrem as três dimensões da biodiversidade – Genética, Filogenética e Funcional. Abordagens inovadoras são encorajadas, de modo a acelerar a compreensão da interação dessas três dimensões. 
 
Na FAPESP, serão elegíveis pesquisadores associados a instituições de ensino superior e de pesquisa do Estado de São Paulo e que atendam aos critérios de elegibilidade das duas modalidades de financiamento oferecidas nessa oportunidade: Auxilio à Pesquisa – Projeto Temático ou Jovens Pesquisadores em Centros Emergentes.
 
A chamada envolve uma etapa prévia de consulta de elegibilidade, a ser feita por e-mail até 1º de fevereiro de 2019. Os pesquisadores pré-aprovados em termos de elegibilidade serão convidados a submeter propostas completas até 28 de fevereiro de 2019, por meio do SAGe.
 
A duração do projeto de pesquisa (em ambas modalidades) deve ser de até 5 anos.
 
A chamada de propostas com instruções aos candidatos do Estado de São Paulo está disponível em:www.fapesp.br/biota/dimensions-NSF2019.
 
A chamada completa está disponível na página da National Science Foundation no linkwww.nsf.gov/pubs/2019/nsf19535/nsf19535.htm?WT.mc_id=USNSF_25&WT.mc_ev=click.
 
As orientações para participação de pesquisadores do Estado de São Paulo na chamada podem ser acessadas em http://www.fapesp.br/12176.

Entre em contato

Bloco L - 3° andar

Avenida dos Estados, n° 5001

Sta. Terezinha - Sto. André - SP

CEP: 09210-580

Email: propes@ufabc.edu.br

 

Telefones

Gabinete: 3356-7614

Administrativo: 3356-7620/7618

IC: 3356-7617

CAP: 3356-7615/7616

Propes-SBC: 2320-6150/6151

CEM-SA: 4996-0028

CEM-SBC: 2320-6176

Biotérios: 3356-7511